Do Firefox OS para o MIUI

Nota

Em 09 de Dezembro a Mozilla anunciou que estaria encerrando suas atividades voltadas ao desenvolvimento do Firefox OS para celulares.

Usei o Firefox OS por mais de um ano no meu celular principal.

Screenshot do Firefox OS.

Embora o sistema operacional fosse novo gostei bastante de utilizá-lo por consegui-lo hackear, utilizava minha própria build com alguns patches adicionais. Infelizmente, de Julho para cá, algumas coisas me deixaram insatisfeitos:

  1. o teclado virtual estava muito lento devido a regressão;
  2. minhas builds estavam quebradas, provavelmente devido a outra regressão que não é fácil localizar devido aos vários repositórios utilizados durante a compilação além do dispositivo que utilizava não ter mais suporte oficial;
  3. nas últimas semanas a compilação do Firefox OS simplesmente falhava.

Depois de muita consideração, resolvi abandonar o Firefox OS e experimentar o MIUI que pode ser considerado um fork do CyanogenMod, que é um fork do Android, desenvolvido pela Xiaomi.

Screenshot do MIUI.

Por que MIUI?

Screenshot das configurações do MIUI.

Queria um dispositivo com Replicant mas os dispositivos suportados não são fáceis de encontrar atualmente.

Pela indisponibilidade de um dispositivo rodando Replicant queria um dispositivo com CyanogenMod. Existe uma longa lista de dispositivos suportados pelo CyanogenMod tanto oficialmente como não-oficialmente e depois de olhar vários dispositivos acabei escolhendo o Xiaomi Redmi 2 Pro. O Xiaomi Redmi 2 Pro não possui suporte ao CyanogenMod ofialmente e nem não-oficialmente mas imaginei que não seria muito difícil criar um port do CyanogenMod para ele tomando como ponto de parte o suporte não-oficial existente para o Xiaomi Redmi 2 dado que a versão Pro possui apenas mais memória (RAM e de armazenamento).

No XDA Forums existe uma thread sobre o CyanogenMod 11.0 e outra sobre o CyanogenMod 12.1. Os repositórios no GitHub são android_device_xiaomi_hm2014811, proprietary_vendor_xiaomi e android_kernel_xiaomi_msm8916.

Por que eu não escolhi um aparelho com suporte oficial como o Motorola Moto G? Porque o aparelho vendido no Brasil também não tem suporte oficial.

Vamos ver se consigo utilizar o CyanogenMod no Xiaomi Redmi 2 Pro.