WhatsApp

Vez ou outra alguém me pergunta se uso WhatsApp e eu respondo que não. Algumas vezes as pessoas chegam a perguntar por que e eu tenho que explicar porque não gosto de como ele funciona e por isso não uso.

Ontem, o André Garzia <http://andregarzia.com/> escreveu um post chamado WhatsApp doesn’t understand the web, ou “WhatsApp não entende a Web”, que apresenta alguns novos motivos para eu não usar o WhatsApp de forma que achei adequado traduzir o texto e deixá-lo de referência para a próxima pessoa que me perguntar se uso WhatsApp.

Nota

Essa não é uma tradução literal do post do André porque eu tirei os “palavrões” e as animações.

Hoje WhatsApp lançou seu cliente web de uma forma que certamente aborrecerá e desapontará várias pessoas. WhatsApp é um serviço de mensagem instantânea muito popular competindo pelo mesmo mercado que LINE, Telegram e outros. Aqui no Brasil o WhatsApp basicamente reina absoluto uma vez que é mais barato enviar mensagens através dele do que enviar SMS.

Infelizmente, enquanto outras companhias abraçam e aplicativos de terceiros como o Telegram que possui uma lista de clientes oficiais e não-oficiais e uma API pública, WhatsApp está constantemente envolvido em lutas contra desenvolvedores e usuários. No ano passado, eles requisitaram que todos os clientes e bibliotecas de terceiros interagindo com sua API fossem removidos de serviços de hospedagem como o GitHub.

WhatsApp oferece clientes para várias plataformas mas não para todas. Usuários do webOS, Firefox OS, Maemo, Sailfish, Ubuntu Touch precisam utilizar bibliotecas de terceiros e usuários de outras plataformas que possuem um cliente oficial podem preferir utilizar clientes de terceiros por várias razões.

Depois de retirar os clientes de terceiros do ar, WhatsApp começou a banir usuários que se conectavam a sua rede utilizando aplicativos de terceiros, um movimento tão mal que merece um post apenas para tratar do assunto e a razão pela qual eu (André Garzia) parei de utilizar o WhatsApp. Desde a remoção dos clientes de terceiros e banimento de usuários, pessoas esperam pelo lançamento de um cliente web que possibilite o uso do WhatsApp em outras plataformas através da “world wide web”.

Finalmente eles lançaram um cliente web para o serviço que oferecem mas o cliente é tão pobre que pode-se perguntar se alguém do WhatsApp realmente entende o poder por trás da web. Vamos analisar alguns trechos do post de lançamento publicado no blog do WhatsApp:

“Para conectar seu navegador web no cliente do WhatsApp, simplesmente acesse https://web.whatsapp.com/ utilizando o Google Chrome. Você irá encontrar um código QR — leia esse código utilizando o WhatsApp, e você está pronto para utilizar o cliente web. Agora você possui o cliente WhatsApp do seu celular e o cliente web do WhatsApp sincronizados. Seu celular precisa estar conectado à internet para que o cliente web funcione, e certifique-se ter instalado a última versão do WhatsApp no seu celular. Infelizmente por enquanto, não podemos oferecer o cliente web para usuários do iOS devido a limitações na plataforma da Apple.”

Tradução por Raniere e ênfases por André.

Vamos contar os erros cometidos.

Erro 1 - funciona apenas em um único browser

Existem Google Chrome, Apple Safari, Mozilla Firefox, Opera, Internet Explorer. Todos esses navegadores web com uma grande base de usuários. E não estou contando os navegadores web pequenos. E o WhatsApp escolheu lançar seu cliente web apenas para o Google Chrome? Em que anos estamos, 1995?

Desculpe mas se ele funciona em apenas um único navegador web então não é um produto, é um demo.

Erro 2 - requer o atual cliente do WhatsApp para Android, Blackberry ou Windows Phone

Então para você autenticar-se você precisa ter um cliente em um celular rodando Android, Blackberry ou Windows Phone.

Se você tiver um celular normal ou utilizar outra plataforma você não pode utilizar o cliente web. O cliente web não é uma alternativa, ele é apenas um brinquedo que funciona se você já tiver um cliente atualizado e funcionando em alguma das plataformas populares que não seja iOS.

Ao contrário de aumentar sua base de usuários ao possibilitar registro e uso pela web, eles resolveram manter seu jardim cercado. O cliente web é inútil se você não já utiliza o aplicativo móvel no Android, Blackberry ou Windows Phone.

Se ele não funciona como um cliente independentemente então não é um cliente, ele é um brinquedo auxiliar, uma aplicação de segunda tela, propaganda mas não um cliente.

Erro 3 - não funciona se seu celular não estiver conectado à internet

Então você possui um cliente web mas ele só funciona se o cliente no seu celular estiver conectado à internet. Todos sabemos que a duração da bateria de um dispositivo móvel cujo usuário utiliza muito uma ferramenta de mensagem instantânea é curta. Então imagine que um usuário do WhatsApp está tentando se comunicar com outro usuário mas a bateria do seu smartphone descarrega mas ela tenha um computador a disposição. Na realidade ela não poderá utilizar o computador para comunicar-se porque o cliente web não funciona com o celular descarregado.

E pode ser pior. Imagine um escritório cheio de metal que comporte-se como uma gaiola de Faraday ou que o escritório esteja em uma região sem cobertura de sinal 3G. Imagine todas as razões pela qual o seu celular pode perder a conexão com a internet. Em todos esses casos, você não poderá utilizar o cliente web. Você tem um celular sem bateria e está viajando em um trem com WIFI e deseja utilizar o cliente web, você não pode! Você está sentado sentado em um bar com WIFI grátis e seu celular descarregou e deseja chamar seus amigos no WhatsApp, você não pode!

Essa é a mais estúpida decisão que já atingiu a web. O que chamamos um cliente web que precisa de uma aplicativo móvel para ser ativado em outra máquina para que funcione? Eu (André) chamo de brinquedo.

Conclusão

WhatsApp não está sério com essa oferta. Suas requisições constantes para remoção de aplicativos de terceiros, banimento de clientes fieis devido a motivos insignificantes, sua brincadeira em oferecer um cliente web apenas provam que eles não possuem o melhor interesse dos seus usuários no seu coração.

WhatsApp é uma companhia hostil. Ela é hostil à desenvolvedores, à seus usuários e agora hostil à web.

Eu (André) estou feliz que eu tenha mudado para o Telegram ...

Erro Extra - usando API que não está na lista de padrões

Deseja saber uma das razões pela qual o WhatsApp apenas funciona no Chrome? Eles estão utilizando uma API de sistema de arquivos local que não encontra-se na lista de padrões como pode ser visto abaixo:

Imagem de Guillermo López.

Imagem de Guillermo López.

Essa API de sistema de arquivos local do Chrome não é uma padrão web e nem está na lista de propostas. Essa não é a web que queremos. Mais de uma vez pessoas denunciam o hábito do Google de adicionar APIs no seu navegador web que não são padrões e encorajar desenvolvedores a utilizá-las. Essa tanto é uma falha do Google como é do WhatsApp. Google não é o amante de padrões que você pensa eles serem e WhatsApp é tão mal quanto.