CONFOA - Revisão do Programa

Nota

Você encontrará os slides em http://www.slideshare.net/ConfOA.

Esta é uma revisão do CONFOA de 2013. O post é bastante longo (e foi escrito com o único objetivo registro histórico).

../../../_images/confoa-pergunta.jpg

Nota

Agradecimentos ao Alexandre Abdo pela foto acima.

(Re)Encontros

Como informado nesse post da Software Carpentry o lado social da ciência ainda é fortemente conduzido presencialmente em conferências e na CONFOA foi possível reencontrar vários amigos.

../../../_images/confoa-amigos.jpg

Nota

Agradecimentos à Carolina Rossini pela foto acima.

Políticas Públicas de Acesso Aberto

Teve como moderador Hélio Nogueira da Cruz (Vice-Reitor da Universidade de São Paulo) e como painelistas:

  • Carlos Henrique de Brito Cruz (Diretor Científico da FAPESP),
  • Heather Joseph (SPARC) apresentando “Developing a framework for open access policies in the United States” e
  • João Nuno Ferreira (Membro do Conselho Diretivo FCT IP) apresentando “Política da FCT sobre Acesso Aberto”>

Cruz apresentou um panorama das atividades da FAPESP (apoio a Scielo, projeto de Biblioteca Virtual, publicação da Revista FAPESP), falou sobre uma das motivações do acesso aberto (permitir ao contribuinte saber como SEU dinheiro está sendo gasto) e também sobre a nova política da FAPESP de requerer repositórios institucionais.

Tanto as apresentações de Joseph como de Ferreira foram muito boas e tiveram vários pontos em comum como o uso de licenças permissivas (e.g. CC-BY), redução do tempo de embargo (que hoje é de 12 meses) e do preço das publicações cujo custo tem diminuído mas essa redução não tem chegado aos consumidores.

Gostei muito de um dos slides da apresentação de Joseph que diz:

“É extremamente difícil colocar o gênio de volta na lâmpada uma vez que a lâmpada é verdadeiramente aberta.” (Tradução do autor.)

A FAPESP iniciou uma nova política de requerer repositórios institucionais nos quais os projetos financiados devem depositar seus trabalhos.

Comunicações I - Políticas de Informação

Direitos Autorais e Acesso Aberto

Comunicações II - Percepção do Acesso Aberto

A Ciência Aberta e a Gestão de Dados de Pesquisa

Comunicações III - Tecnologias Aplicadas a Repositórios Científicos

Comunicações IV - Revistas e Editoras de Acesso Aberto

Comunicações V - Repositórios Institucionais

Oficina - Gestão de Propriedade Intelectual para o Acesso Aberto ao Conhecimento Científico

Oficina - Gestão de dados científicos: o papel das bibliotecas