Qualidade dos REA

Nota

Este post foi baseado em “On Quality and OER” de David Wiley (cópia nesse servidor).

Todos já ouvimos o seguinte pensamento:

“Não julgue um livro pela sua capa.”

E isso é uma grande verdade para os Recursos Educacionais Abertos (REA) pois muitos acreditam que os REAs possuem conteúdo de qualidade duvidosa em relação aos seus concorrentes fechados e isso nem sempre é verdade.

Definindo qualidade

Muitos associam a qualidade de um recurso educacional a forma como é apresentado (se o layout é bonito, se as imagens possuem alta definição, ...). Infelizmente essa associação é falha e a qualidade de um recurso educacional deve ser medido para responder apenas “o quanto os alunos aprendem ao utilizar esse material?”.

Trocando “Todos” por “Alguns”

Considere o melhor livro didático que você já utilizou e imagine que na página informativa dos direitos autorais estive escrito “Alguns Direitos Reservados - este livro é licenciado sob CC-BY” ao invés de “Todos os Direitos Reservados”. O livro perdeu qualidade devido a mudança de licença? NÃO.

A qualidade de um livro não é uma função da licença por ele utilizado de modo que:

  • existem REA de alta qualidade e
  • transformar um material em REA não vai melhorar sua qualidade instantaneamente.

Palavras dos especialistas

Somos levados a acreditar que um conteúdo criado colaborativamente sem nenhum critério para a seleção daqueles capacitados para contribuir (como é o caso da Wikipédia) irá possuir vários erros. Em 2005 a revista Nature fez um experimento para aferir essa suposição e chegou a conclusão de que a Wikipédia é tão precisa quanto a Enciclopédia Britânica.